O biólogo revela dicas simples para evitar escorpiões em casa

Publicado por: Feed News
06/03/2023 05:25 PM
Exibições: 48
Cortesia Editorial Pixabay
Cortesia Editorial Pixabay

Medidas simples, como a limpeza e a organização dos ambientes, a eliminação de possíveis abrigos e o controle de insetos estão entre as prevenções

 

É alarmante no número de escorpiões nos últimos anos. De acordo com dados da prefeitura, o número de ocorrências de picadas de escorpiões em 2022 foi mais que o dobro do registrado em 2021. Esse aumento pode ser atribuído a diversos fatores, como o desmatamento, a urbanização e a falta de saneamento básico. O Biólogo Randy Baldresca  revela medidas que podem ser tomadas para prevenir o aparecimento desses animais peçonhentos.

 

Uma das principais formas de prevenção é manter a limpeza e a organização dos ambientes, evitando o acúmulo de lixo, entulho e materiais de construção. É importante também vedar as frestas e buracos nas paredes e nos móveis, telas no ralo impedindo a entrada dos escorpiões. “Além disso, é fundamental eliminar possíveis abrigos, como telhas, tijolos, madeiras e outros objetos que possam servir de esconderijo para os animais”, revela o CEO da RB.

 

Outra medida importante é manter a higiene dos quintais e jardins, retirando folhas secas, gramas e plantas mortas. Os escorpiões costumam se esconder nesses locais, principalmente em áreas com muita umidade. Também é recomendável evitar o acúmulo de água parada em vasos, pneus, calhas e outros recipientes, pois esses locais são propícios para a proliferação de insetos, como baratas, que são a principal fonte de alimento dos escorpiões.

 

“É fundamental que as pessoas fiquem atentas aos sinais de presença de escorpiões, como a aparição de seus exoesqueletos, fezes e ovos. Ao identificar qualquer um desses sinais, é importante tomar medidas imediatas, contactando o serviço de controle de pragas de sua cidade”, relata o biólogo.

 

Por fim, é fundamental que a população esteja informada sobre os riscos das picadas de escorpiões e saiba como agir em caso de acidentes. Os sintomas incluem dor intensa no local da picada, inchaço, vermelhidão, sudorese, náuseas e vômitos. Em caso de picada, a pessoa deve procurar imediatamente um serviço de saúde UBS, onde será avaliada a necessidade de aplicação de soro antiescorpiônico.

 

Sobre: Randy Baldresca  preocupado e comprometidoa com a preservação do meio ambiente, a saúde e o bem estar de pessoas e dos animais. O maior diferencial é o CONHECIMENTO, que aplicam nas soluções para controlar animais indesejáveis e que, às vezes, em algumas circunstâncias, podem se tornar perigosos. Além disso, o biólogo Randy Baldresca, que possui uma grande informação e técnica na área.

Vídeos da notícia

Imagens da notícia

Tags:

Mais vídeos relacionados